Publicado em : 16/09/2019 - Atualizado em: 16/09/2019 14:52:07

II Seminário de Mineração e Meio Ambiente será realizado na UFRB

A temática do evento será apresentada na forma de palestras ministradas por conferencistas nacionais e internacionais, mesa redonda, minicursos e outros


A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), por meio do Núcleo Tecnológico de Estudos de Impactos da Mineração (NEIM), promoverá o II Seminário de Mineração e Meio Ambiente da Bahia, no Campus Cruz das Almas, no período de 04 a 08 de novembro.

As inscrições estarão abertas no link https://2smmaufrb.wixsite.com/2smma/inscricoes

A temática do evento será apresentada na forma de palestras ministradas por conferencistas nacionais e internacionais, mesa redonda, minicursos, apresentação de trabalho na forma oral e pôster, visita técnica e uma ala para exposição de equipamentos e minerais (estandes com cartazes, equipamentos, serviços e tecnologias utilizados no tema eixo do evento).

A programação do evento encontra-se parcialmente definida.

Em 2018, o NEIM realizou o I Seminário de Mineração e Meio Ambiente do Estado da Bahia, estabelecendo um espaço de discussão técnico-científico com todos os atores envolvidos na cadeia produtiva da mineração objetivando oportunizar, debater e compartilhar ideias de inovações e tecnologias na área mineral entre cientistas, praticantes, indústria privada, técnicos educadores, planejadores e reguladores governamentais e população atingidas por impactos ambientais e a população.

O seminário também apresentou os avanços da ciência na recuperação de áreas afetadas pela exploração mineral. Desastres ambientais como os das barragens em Mariana e Brumadinho em um período de cinco anos levantaram preocupação real da indústria de mineração com os danos ambientais e o bem-estar social.

NEIM

O Núcleo Tecnológico de Estudos de Impactos da Mineração (NEIM) foi criado na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em 2013, com o objetivo de capacitar profissionais em nível de graduação e pós-graduação por meio dos cursos de Bacharelado em Ciências Ambientais e o de Especialização em Mineração e Meio Ambiente na modalidade à distância, além de desenvolver pesquisas e tecnologias sustentáveis que ajudem na identificação, prevenção e recuperação de danos ambientais.

A matéria-prima oriunda da mineração tem sido fundamental para o desenvolvimento humanidade. O Brasil está entre os países com maior potencial mineral do mundo, com a produção aproximada de 70 substâncias minerais e que segundo o Ministério de Minas e Energia, aliado a indústria extrativista, representa 4% do Produto Interno Bruto, contribuindo com 25% do saldo comercial brasileiro. A Bahia está em quinto lugar entre os maiores produtores de bens minerais no Brasil.

O crescimento da população mundial e o aumento da necessidade de utilização de produtos de mineração têm demandado pelo aumento da exploração dos recursos minerais, os quais apresentam consideráveis impactos sobre o meio ambiente devido ao grande fluxo de massa envolvido no processo os quais podem causar graves danos ao meio ambiente e à sociedade.

FONTE: UFRB